Principais destinos de turismo mundiais do sec. XXI e uma perspectiva de futuro.

 

 

 

 

 

 

Olá a todos, hoje é o primeiro dia desta semana resolvi por um trabalho meu sobre “Principais destinos de turismo mundiais do sec. XXI e uma perspectiva de futuro.”, que eu acho que até esta bom espero que gostem…

 

O ser humano sempre foi conduzido a ir em busca do que está para além do Horizonte, em busca do desconhecido levado pela sua atracção por o conhecimento. Com isto podemos dizer que o que leva as pessoas a sair de casa, ou da sua terra, ou até mesmo do seu país por o simples facto de conhecer, ver, aprender o que se faz noutros sítios deste nosso pequeno mundo. Nestes últimos três séculos assistimos a grandes mudanças na mentalidade, hábitos, valores da sociedade e estas alterações fizeram com que o mundo fosse visto pelas pessoas de muitas maneiras diferentes. Se paramos para pensar e perguntarmos a nós mesmos a seguinte questão “Será que aquilo que denominamos de um certo nome foi assim sempre? E será no futuro?” A resposta é elementar, claro que não, podemos ter alguns conceitos universais, com o paz, o amor, a amizade, entre outros que em qualquer tempo e lugar (apesar da maneira como possa ser visto) tem o mesmo significado. Porém temos também conceitos aos quais atribuímos vários nomes e interpretação ao longo dos tempos, como o Turismo que é um conceito relativamente recente e tal qual como os destinos turísticos. Se reflectirmos o turismo já existe a muito tempo apesar de só agora (ou a alguns anos) os termos  delimitados, claro que não tinha tanto impacto na sociedade e economia de um país como actualmente deve fazer – se representar. Neste pequeno artigo pretende – se reflectir sobre os principais destinos turísticos e dar uma perspectiva de futuro.

Para começar devemos ter em consideração e observar os dados de algumas entidades que levam normalmente a cabo estudos sobre o turismo mundial, sendo estas a OMT e do Euromonitor internacional. Como notamos na tabela nº1 as cinco principais cidades destino do mundo são Londres, Hong Kong, Bangkok, Singapore e Paris.

Tabela nº1

Top cidades destino 2007

 

‘000 arrivals Ranking 000 tourist arrivals % growth 2006/2007
London  1 15,340 -1.9
Hong Kong  2 12,057 8.8
Bangkok  3 10,844 4.8
Singapore  4 10,284 5.4
Paris   5 8,762 -10.2
New York City  6 7,646 23.0
Antalya  7 7,292 13.8
Toronto  8 6,627 -3.6
Dubai  9 6,535 6.8
Istanbul  10 6,454 21.8
Rome  11 6,123 1.5
Barcelona  12 5,044 7.4
Seoul  13 4,994 1.5
Shanghai  14 4,800 11.2
Dublin  15 4,627 4.4
Kuala Lumpur  16 4,403 0.8
Pattaya  17 4,387 5.3
Mecca  18 4,200 10.5
Moscow  19 4,050 9.6
Macau  20 3,953 28.7
Amsterdam  21 3,909 0.2
Beijing  22 3,900 8.5
Cairo  23 3,896 10.0
Prague  24 3,696 -0.2
Vienna  25 3,637 4.5
Madrid  26 3,404 12.1
Guangzhou  27 3,300 31.4
Phuket  28 3,160 9.9
Vancouver  29 3,127 -0.9
Montreal  30 2,736 -5.0
Shenzen  31 2,700 41.8
Ho Chi Minh  32 2,700 14.8
Los Angeles  33 2,652 5.5
Rio De Janeiro  34 2,627 10.1
Mexico City  35 2,560 -6.3
Berlin  36 2,552 10.5
Mumbai  37 2,436 11.9
Tokyo   38 2,422 13.8
Miami  39 2,341 18.7
Brussels  40 2,328 2.

Fonte: Euromonitor internacional

Cada uma destas cidades diferentes oferecem tipo diferenciados de produtos turísticos, se associarmos em grupos estas cidades. Em primeiro lugar que Paris e Londres oferecem aquele típico produto cultural/artístico (ou seja, visitas a monumentos, museus e uma certa interacção com a cultura que cada cidade pode oferecer), ou de outra forma está cidade provavelmente nunca deixaram de ser aqueles ícones do mundo antigo. Em último lugar Hong Kong, Bangkok, Singapore como grandes potencias emergentes que querem brindar os seus visitantes como aquele estilo de grandes cidades que normalmente o que têm para dar não é nada mais do que um conjunto de experiencias, como Festas, eventos culturais, dado a melhor qualidade de hospedagem, “sol e mar”, entre outras coisas do género(Contudo estas grandes cidades começam a atrair pessoas do mundo dos negócios, pelo seu desenvolvimento e potencial económico).

 Com isto reparamos e se dermos atenção ao resto da tabela constatamos que a Europa está a perder a sua importância no turismo relativamente a outros mercados, como o mercado Asiático e sendo isto também referenciado pelo Euromonitor internacional “prevê que até 2013 mais viajantes internacionais vão visitar as cidades mais grandes na Ásia do que na Europa.”, assim denotamos que os novos principais destinos turísticos passaram pela Ásia. Apesar de observarmos na tabela nº2 que países Europeus lideram o ranking do Top mundial de destinos turísticos elaborado pela OMT ou WTO, as previsões apontam para que isto mude devido ao crescimento de rendimentos dos cidadãos Asiáticos no geral porém como a maioria destes países vivem em regimes ainda muito fechados isto fará com que o turismo dentro da Ásia aumente e quase não se veja algum efeito fora deste continente, excepto em países vizinhos como a Oceânia (ou seja na Austrália, segundo o último estudo elaborado pelo governo australiana). Por fim em síntese este é um dos efeitos que condiciona actualmente o turismo no geral e os destinos turísticos, contudo temos mais dois motivos que na minha perspectiva serão importantes referenciar.

Tabela nº 2

Top mundial de destinos turísticos

2006
rank
Country Arrivals (millions) Percent
change
2005/2004
Percent
change
2006/2005
2005 2006
1. France 75.9 79.1 1.0% 4.2%
2. Spain 55.9 58.5 6.6 4.5
3. United States 49.2 51.1 6.8 3.8
4. China 46.8 49.6 12.1 6.0
5. Italy 36.5 41.1 -1.5 12.4
6. United Kingdom 28.0 30.7 9.2 9.3
7. Germany 21.5 23.6 6.8 9.6
8. Mexico 21.9 21.4 6.3 -2.6
9. Austria 20.0 20.3 3.0 1.5
10. Russian Federation 19.9 20.2 0.2 1.3

Source: World Tourism Organization (WTO). Web: http://www.world-tourism.org/ .

 

Para podermos ter uma ideia dos destinos turísticos centrais e do seu futuro temos de ter uma das motivações e constituição dos visitantes/turistas (ou seja faixa etária). Segundo o artigo “TURISMO E ENVELHECIMENTO DEMOGRÁFICO: UMA REALIDADE DE FUTURO” elaborado por “Helena Pestana  e João Gageiro” onde podemos chegar a dedução que no futuro uma  parte significativa dos nosso turistas serão com 60 ou mais anos. Este facto vai levar a que o mercado do turismo sénior aumente e a que apareçam novos produtos turísticos para este escalão. Neste artigo anteriormente referido também podemos tirar algumas induções do que poderam ser os produtos turísticos pretendidos pelos turistas seniores, assim afirmamos (tendo em conta  o artigo e usado como exemplo do que poderá ser as motivações dos turistas seniores mundiais) que “Os turistas seniores foram divididos segundo as razões subjacentes para fazer férias em três segmentos, designados por convivialistas (48%), espiritualistas (22%), e inovadores (30%). Os convivialistas são os que mais importância dão aos factores aventura/cultura (74%) e descanso/família/amigos (66%), como razões subjacentes para fazer férias, e tal como os inovadores, são os que menor relevo dão ao factor frio/religião (13%). Destacam-se igualmente na vinda a Lisboa por serem os que mais importância atribuem a todos os motivos do factor conforto/segurança (63%), e serem os únicos que atribuem importância maioritária à satisfação de desejos antigos (61%).Os espiritualistas são os que mais valorizam todas as dimensões do factor frio/religião (42%), e do factor diversão/religião/saúde (27%), bem como são os que mais valorizam os motivos desenvolver actividades físicas (36%), ver acontecimentos especiais (45%), e o contacto com a natureza (49%).

Os inovadores, são os que mais importância atribuem a visitar novos lugares (90%), a (61%), a fugir aos frio (46%), e menos importância dão a estar com pessoas/conviver (28%), à satisfação de desejos antigos (27%), e às visitas guiadas (31%).”, com este excerto do artigo e outras informações do mesmo podemos concluir que os seniores na sua maioria faz férias e têm como motivações primarias aventura/cultura e descanso/família/amigos, visitar novos lugares e viver e experimentar novas aventuras, por outro lado dão menos valor diversão/religião/saúde e conviver com pessoas. Por dedução devemos dizer que os seniores desejam viver a vida (ou seja, viver aquilo que não puderam fazer noutro altura das suas vidas).

Como ultimo motivo admitimos a questão dos “destinos da moda” é muito importante pelo modesto facto de muitos turistas irem só para os sitio onde vão todos os outros (ou seja, veja o seguinte exemplo, temos o Restaurante A e o B, se o A tiver um fila grande e o B não, logo as pessoas vão criar o preconceito de que no B se come mal e no A se come bem), porém este factor moda ou mais denominado por “turismo de massas” traz dois problemas na meu ver, primeiro supercarga de infra-estruturas, segundo a qualidade pode ficar comprometida e por último a dependência que se queria desta ”moda”( por outras palavras: O que vai acontecer quando a moda acabar?). Para finalizar esta parte pode – se enumerar os 10 destinos da moda por ordem (esta ordem foi criada no artigo do site Rotas & destinos), Edimburgo, Bodrum, Península de Akamas, Avignon, Ibiza, Miami, Arquipélago de Estocolmo, Eslovénia, Costa Amalfitana e Dubai (na minha humilde opinião estes sítios enunciados parecem – me lugar inesquecíveis para passar ferias, “Porém não existiram outros lugares tão bons como estes que só são conhecidos devido ao poder da publicidade?”)

Por fim e em conclusão deste trabalho que o turismo e destinos turísticos mundiais tomaram um sentido diferente do que têm levado até agora, como vocês puderam ler neste artigo a Ásia igualará ou ultrapassará a Europa ao nível das chegadas de turistas, por outro lado o envelhecimento da população ao nível mundial levará a que haja um aumento deste tipo de turismo e a uma maior oferta de produtos turísticos do mesmo, noutra perspectiva os sítios de baixo custo continuaram a atrair muitos turistas e a última conclusão será de que a “moda” continuará a ter o seu papel no turismo mundial.

 

Espero que tenham gostado de ler o artigo, assim como eu gostei de o elaborar.

 

 

Ass: Bruno Cabrita

 

 

 

 

 

Referencias Bibliográficas

 

http://jborgesalmeida.wordpress.com/2009/10/23/os-melhores-destinos-turisticos/

http://www.euromonitor.com/

www.rota.xl.pt

0 Responses to “Principais destinos de turismo mundiais do sec. XXI e uma perspectiva de futuro.”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s




Bem-vindo ao imediaj

Sr. visitante gostaríamos que encontre-se no nosso blog as ideias, informações ou mesmo temas que procura. Este blog foi feito no tema central dos media e a sua influencia nos jovens, porém poderão encontrar cá temas de tipo geral.Esperamos que se sinta livre para comentar nossas postagens.

……………………..

Procura o quiseres…

Novembro 2009
Q Q S S D S T
« Out   Dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Widget SiC

[clearspring_widget title="Widget SIC" wid="4898b057a9ce26f0" pid="48e16318676ab6ed" width="205" height="374" domain="widgets.clearspring.com"]

Ranking e Estatistica do Blog

Numero de visitas

  • 308.498 visitas

Musica


MusicPlaylistRingtones
Create a playlist at MixPod.com


%d bloggers like this: